Blog Clínica Greenwood

Família admite que Sócrates precisa de um transplante

O último boletim médico aponta uma leve melhora. A pressão arterial está estável e a quantidade de sangue no corpo equilibrada.

O ex-jogador Sócrates continua internado em estado grave no hospital Albert Einstein, em São Paulo. A família admitiu que ele precisa de um transplante.

O último boletim médico aponta uma leve melhora. A pressão arterial está estável e a quantidade de sangue no corpo equilibrada. Mas Sócrates continua na Unidade de Terapia Intensiva respirando por aparelhos e sedado. O estado dele ainda é grave.

“Ele não pode ter um novo sangramento. Se ele tiver um novo sangramento, a gente corre o risco de perdê-lo”, disse Kátia Bagnarelli, esposa de Sócrates.

Foram duas internações na UTI em menos de 18 dias por causa de duas hemorragias digestivas. Sócrates sofre de cirrose causada, segundo ele, por consumo excessivo de álcool.

Pela primeira vez desde que começaram as crises do ex-jogador de 57 anos, a família fala na possibilidade de um transplante de fígado.

“A cura só se dará pelo transplante. Hoje ele não pode fazer. Há um período para avaliar a recuperação”, disse Kátia.